Poemas Ilustrados

Neste Projecto Cultural, não se estabelece o tempo para o Poema, nem tão pouco a circunstância.

O Poema surge espontâneo, no “tudo” e no “nada”.

O Poema extasia-se no sorriso da criança, suaviza a dor da alma, leva-nos ao cume dos montes;

O Poema sente-se bem ao ser “Louvor” a quem o merece e transforma-se em “Presente” em dia de aniversário ou “Data” a assinalar.

Não é possível citar todos os momentos da Vida porque o Poema mora no coração de quem o ama e o sabe utilizar.

E se o Poema sentir, em si mesmo, a Palavra adequada, tem força de multidão nos gestos mais simples da vida quotidiana.

4 respostas a Poemas Ilustrados

  1. Anónimo diz:

    amei esses poemas!!

    • mjalmeyda diz:

      A minha gratidão, pelo seu sentir expresso
      nesta síntese que fez.

      Como desconheço, com pena minha,
      o nome a quem me dirijo, para si, tudo do melhor.
      mjalmeyda

  2. Tudo muito belo e artístico.

    • mjalmeyda diz:

      O “belo” e o “artístico”
      fazem parte deste Projecto Cultural
      que pretende ser Vida, enquanto se caminha…

      Estou-lhe grata, Avelino José, pela sua partilha.
      mjalmeyda

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s