Entre Espaços Simultâneos

Esta obra nasceu, não dum sonho, mas duma inesperada inspiração, numa noite de insónia.

Posso dizer, com toda a verdade que, até ao presente, foi a obra que mais me prendeu e me ajudou a caminhar neste “carreiro estreito” que procuro alargar.

Para que seja entendido melhor a continuação deste texto, devo informar, neste momento, que a ilustração de cada Poema é constituída por um conjunto de nove pauzinhos iguais que,  além deste papel, assumem também o papel de Personagens.

Estes Pauzinhos, (assim passaram a ser chamados por todos aqueles que os leram e os deixaram entrar no seu coração), tiveram inicialmente uma actuação passiva, sob o meu poder mas, a pouco e pouco, eles começam a impor-se como actuantes, numa ascensão de valores, que me obrigou, sem eu me aperceber, a descer do meu orgulho até ao patamar da simbiose perfeita.

Porém, o mais gratificante para mim, foi o facto de eu só me ter apercebido desta linha condutora, na revisão final, o que contribuiu para a alteração do prefácio que já tinha sido feito.

Ler e reflectir é a melhor maneira de entrar no coração destes Pauzinhos, que vão de férias, no final de cada volume, para regressarem no seguinte, sempre abertos a novas aprendizagens da Vida.

Mas… ainda há muito para aprender com estes Pauzinhos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s